quarta-feira , 12 agosto 2020

Concurso Ministério da Economia: edital será aberto com 350 vagas.

Concurso Ministério da Economia: edital será aberto com 350 vagas.

Concurso Ministério da Economia: edital será aberto com 350 vagas.

Edital deve ter salários de até R$ 8.300 para nível superior!

O concurso público do Ministério da Economia deve ser divulgado em breve, um novo certame foi autorizado pelo Governo, conforme portaria 16.017, publicada no Diário Oficial da União pelo secretário especial de desburocratização, gestão e governo digital do Ministério da Economia, Paulo Spencer Uebel.

Conforme  a portaria autorizativa do concurso do Ministério da Economia, o a seleção vista o preenchimento de 350 vagas em caráter temporário. As carreiras de atividades técnicas de complexidade gerencial são destinadas aos profissionais de nível superior.

Serão 350 vagas oferecidas pelo concurso do Ministério da Economia distribuídas para os seguintes cargos:

  • Especialista em análise de processos de negócios (50 vagas);
  • Especialista em ciência de dados (50 vagas);
  • Especialista em desenvolvimento de software (50 vagas);
  • Especialista em experiência do usuário (50 vagas);
  • Especialista em gestão de projetos (50 vagas);
  • Especialista em infraestrutura de Tecnologia da Informação-TI (50 vagas);
  • Especialista em segurança da informação e proteção de dados (50 vagas).

Os editais, conforme prevê o documento, deverão sair em um prazo de seis meses, ou seja, até o dia 8 de janeiro de 2021. No entanto, geralmente nos casos de processos seletivos para contratações temporárias, tendo em vista a grande necessidade e urgência pela realização dos trabalhos, os editais costumam ser liberados bem antes do prazo máximo.

Os profissionais contratos serão assinados por um prazo de até quatro anos. Os contratos poderão ser prorrogados, desde que devidamente justificados, com base nas necessidades para a conclusão dos trabalhos.

O que é o Ministério da Economia?

O Ministério da Economia (ME) é o órgão que, na estrutura administrativa do Brasil, cuida da formulação e execução da política econômica nacional, da administração financeira da União, por meio de sua Secretaria do Tesouro Nacional, Secretaria da Fazenda, Secretaria de Planejamento, Secretaria de Previdência e Receita Federal, Secretaria de Comércio Exterior e Assuntos Internacionais, Secretaria de Desestatização e Desmobilização, Secretaria de Competitividade e Produtividade e Administração Superior da Estrutura Fiscal, Passou a se chamar Ministério da Economia (ME) a partir de 1 de janeiro de 2019 através de decreto do presidente da República.

Como foi o último concurso do Ministério da Economia?

O último concurso Ministério da Economia foi no ano de 2015, na época era chamada de Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Foram abertas 556 vagas, todas com exigência de nível superior.

As oportunidades foram distribuídas pela pasta e a Escola Nacional de Administração Pública para analista de tecnologia da informação. As demais vagas foram para analista técnico administrativo (83), engenheiro (54), geógrafo (17), geólogo (16), arquiteto (16), contador (14), arquivista (nove), médico (04), economista (07), assistente social (07), administrador (06) e técnico em assuntos educacionais (01).

Na ENAP, o edital contou com 22 vagas, sendo quatro para técnico de nível superior e 18 para técnico em assuntos educacionais. Os salários iniciais variaram entre R$3.998,42 e R$5.969,31, já com o auxílio-alimentação.

 

 

 

 

[Total: 1   Average: 3/5]

Sobre ProjetoWILL

Deixe uma resposta